Ocorreu um erro neste gadget
CLIQUE NA ÁGUA DO AQUÁRIO PARA ALIMENTAR OS PEIXES.
.

6 de nov de 2011

GUÁS - A ESCOLA DO CHAPÉU NEGRO.


No ba-guá estilizado, as pedras são associadas a cada um dos setores (guás) : No guá do Trabalho, ônix-preta; na Espiritualidade, quartzo-azul; na Família, quartzo-verde; na Prosperidade, ametista; no Sucesso, pirita; nos Relacionamentos, quartzo-rosa; na Criatividade, quartzo-branco; nos Amigos, hematita; e na Saúde, Jaspe.

A ESCOLA DO CHAPÉU NEGRO, a mais comum entre os ocidentais, tem sua linha de trabalho baseada na definição de prioridades para o ser humano, ou seja, aquilo de que ele precisa para alcançar o bem-estar. Dentro deste contexto, foram eleitos oito "setores" que, se explorados corretamente, levam à realização e à qualidade de vida. São eles: Trabalho, Espiritualidade, Família, Prosperidade, Sucesso, Relacionamentos, Criatividade/Filhos e Amigos/Viagens, também denominados como "guás". Quando harmonizado, o conjunto dessas variantes permite  alcançar a Saúde, símbolo máximo do equilíbrio dentro de um lar e da vida de cada um. Pelo Feng-Shui, esse nove fatores (oito guás + Saúde) devem ser estimulados dentro de casa ou do ambiente profissional. Cada um deles tem cores, formas, elementos e características próprias, que podem ser seguidas e exploradas. Se são regras essas associações, determinar o posicionamento das áreas dentro do imóvel também pode contar com uma ajudinha da teoria de harmonização. Basta recorrer ao instrumento de extrema necessidade dentro da Escola do Chapéu Negro, o chamado ba-guá. Trata-se de um octógono, cujos dados identificam, cada um dos tais setores e necessidades humanas. Bem ao centro, como se fosse o somatório ou o equilíbrio de conjunto, está justamente a Saúde reflexo do bem-estar. Esse resultado, entretanto, depende da ativação de todos os setores igualmente. De nada adianta estimular em excesso os guás do Sucesso e dos Relacionamentos, por exemplo, se não dedicar igual atenção aos demais. O equilíbrio só ocorrerá quando todos alcançarem a tão sonhada harmonização.
(GUÁS - por Glau Gasparetto - anuário Feng-Shui Ano I - nº I).

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...