Ocorreu um erro neste gadget
CLIQUE NA ÁGUA DO AQUÁRIO PARA ALIMENTAR OS PEIXES.
.

3 de fev de 2013

O ELEMENTO AR

Criando mais espaço, podemos enriquecer nossa vida.
Com olhos curiosos e investigadores, sempre à procura de experiências que prometam surpresas, os signos de ar - Gêmeos, Libra e Aquário - estão constantemente em firme diálogo mental com a vida, precisando compartilhar suas percepções e conhecimentos com os outros. Refinados, sociáveis e adaptáveis, escondem, atrás de uma aparência amigável e civilizada, uma certa frieza nos relacionamentos mais íntimos.
Sinônimo de vento, vôo e leveza, o elemento ar reflete a esfera do abstrato, também conhecida como "plano mental" ou "mundo das idéias". Segundo a sabedoria dos povos antigos, todo o conhecimento da humanidade está contido nesse plano. Isso talvez explique porque os signos de ar estejam sempre em busca de novos conhecimentos e à procura de respostas para infindáveis questionamentos.
O menos irracional dentre todos os elementos, o mundo das emoções não é a área dos signos de ar, que têm dificuldade em lidar com as questões emocionais mais profundas. Para eles, é natural as coisas serem duplas, duais, opostas e contraditórias. Como estão sempre abertos às novas idéias, aceitam o ponto de vista dos outros e sabem encarar as decepções de forma filosófica. Sabem, melhor do que ninguém, considerar opiniões opostas, sendo capazes de se distanciar para obter uma perspectiva mais ampla. Por causa da capacidade de ver os dois lados das coisas, são excelentes árbitros. Costumam, porém, demonstrar certa superficialidade, uma tendência a serem eternos curiosos, que não se aprofundam em nada.
Arrojo e simplicidade são o lema dos signos de ar, que procuram unir a limpeza das linhas modernas e flexíveis com criatividade. De gosto apurado e consciência de suas necessidades em termos de espaço, preferem os ambientes abertos, com poucas portas e paredes, que permitem uma melhor circulação e maior abertura de horizontes. Sabem, intuitivamente, que uma casa mal ventilada e escura causa sensação de opressão, gerando tristeza, desânimo e depressão.
Um clima de urbanidade permeia o espaço do nativo do ar. Poucos objetos e móveis dispostos em espaços quase vazios despertam uma agradável sensação de amplitude. Cercando-se apenas daquilo que tem utilidade e descartando qualquer tipo de exagero ou acúmulo visual, valoriza as linhas simples e aprecia um estilo descontraído e confortável. Móveis leves e fáceis de transportar expressam sua disposição em realizar mudanças.
Um ambiente contemporâneo, com soluções funcionais e práticas, pede materiais que expressem a versatilidade do estilo moderno, tais como metal, vidro, alumínio ou concreto ferroso. Painéis de vidro conferem uma sensação de liberdade e dão um ar de leveza ao ambiente. A elegância sutil, quase etérea dos signos de ar combina com paredes nuas, recobertas com madeira clara e poucos quadros. A simplicidade do estilo japonês, com portas de correr que asseguram a integração visual dos ambientes, tem muito a ver com seu jeito despojado de ser.
Quando a proposta for obter uma perspectiva mais clara e objetiva das coisas e livrar-se dos turbilhões que pertubam a mente, nada melhor que uma decoração zen e clean, ativada pelo distanciamento propiciado pelo elemento ar. O seu clima desprogramador funciona como antídoto contra a rigidez e a imobilidade - sob a influência do ar, a terra perde a sua dureza, desmancha-se e vira poeira.
Cores suaves, brancas, azuis e cinzas, expressam a necessidade de liberdade e amplitude dos signos de ar. Branco estimula a sensação de distanciamento, tem capacidade de dissolver a opressão dos lugares pequenos e harmoniza os ambientes muito coloridos. Azul é uma cor que acalma e tranquiliza, despertando paz e aconchego através da sua vibração. Cinza, por sua vez, tem o poder de manter as emoções num nível de controle, proporcionando uma sensação de calma.
Disseminando energias através das nuvens, das chuvas, dos ventos e das tempestades, os silfos são os elementais que habitam o elemento ar. Esses seres etéreos têm capacidade de percorrer grandes distâncias, estimulando as forças elétricas e magnéticas do nosso planeta. Dotados de potenciais ilimitados, os silfos são seres do espaço, com poderes para despertar a imaginação, a inspiração e a criatividade nos seres humanos.

(Seu Signo, sua Casa - A Influência dos Astros no seu Ambiente - Christina Bastos Tigre - Ed.Madras).




Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...